Biblioteca Pública Municipal Wesley Viana de Moura recebe premiação da Fundação Cultural do Pará

Estimado em R$15 mil, prêmio inclui 400 itens de acervo entre livros de literatura infantil e infanto-juvenil

Secretaria de Secretaria Municipal de Esporte, Turismo e Juventude | Postado em: 27 de Março de 2019 | Por: Assessoria de Comunicação | Atualizada em: 27 de Março de 2019

A Biblioteca Pública Municipal Wesley Viana de Moura de Redenção, foi uma das 10 bibliotecas do Estado selecionadas e premiadas no edital nº 11 de 16 de agosto de 2017 – Biblioteca Viva, organizado pela Fundação Cultural do Pará, através do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas do Pará.

A cerimônia de premiação aconteceu na última segunda (25), às 16 horas, no prédio da FCP, em Belém, dando início a semana comemorativa pelo aniversário da Biblioteca Pública Estadual Arthur Vianna, que funciona no prédio da FCP. Para celebrar os seus 148 anos, a biblioteca receberá ao longo da semana uma vasta programação que vai até sexta-feira (29). A diretora da Biblioteca Wesley Moura, bibliotecária Margot Trindade, autora do projeto, recebeu o prêmio e apresentou as ações da Biblioteca, principalmente as ações realizadas nos últimos três anos, as quais vêm sendo premiadas a nível estadual e nacional.

O público contou com a presença do presidente da Fundação Cultural do Pará, João Augusto Vieira Marques Junior, do Diretor de Leitura e Informação da FCP, Guilherme Relvas D'Oliveira, de prefeitos e secretários dos munícipes vencedores e de convidados, como a representante da Associação dos Municípios do Araguaia, Tocantins e Carajás - AMAT, Aurelina Lima. A diretora da Biblioteca de Redenção, Margot Trindade, agradeceu à Fundação pelo prêmio em nome do prefeito Carlo Iavé e do Secretário de Cultura, Desportos e Lazer Vilson Cabral. Prêmio: Os projetos vencedores receberam uma coleção de livros para dotar as bibliotecas públicas municipais.

Cada conjunto será composto por aproximadamente 400 itens de acervo, entre livros de literatura infantil e infanto-juvenil, cujo valor é estimado em 15 mil. Para a diretora Margot, o prêmio virá em excelente hora, já que a Biblioteca está prestes a mudar de prédio. “Pela segunda vez consecutiva fomos agraciados pelo prêmio do Edita Biblioteca Viva, do governo do Estado, na primeira edição, em 2016 ganhamos um kit com acervo de 300 gibis, brinquedos educativos, computadores com acessibilidade e mobiliário e inauguramos, na Biblioteca o “Espaço tempo de Ler”. Agora ganhamos o acervo de literatura que virá em muito boa hora, pois a Biblioteca em breve mudará para um espaço maior, que oferecerá melhores condições de pesquisa aos nossos usuários e nos possibilitará aumentarmos o nosso portfólio de atividades tecnológicas, inclusivas, de empoderamento e de incentivo à leitura para a nossa comunidade”.